Google+ Followers

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

POLÍTICA - Tem hora que o Gilmar Mendes diz coisas sensatas.

Mendes: ele dê a chave do Congresso à Lava Jato




genera
Definitivamente, viraram uma zorra as relações entre as instituições brasileiras.
Renan Calheiros desafia Rodrigo Janot e Janot devolve com uma nova denúncia contra Calheiros.
O ministro Teori Zavascki devolve a denúncia, porque Janot não esperou terminarem as diligências policiais que ele próprio pediu.
Janot reage dizendo que apresenta a denúncia quando quiser, independente da conclusão das investigações.
Luiz Fux toma as dores do MP e anula a rejeição do projeto do Ministério Público das tais “10 Medidas contra a Corrupção” pela maioria absoluta do Legislativo.
Gilmar Mendes, que na semana passada chamou seu colega Marco Aurélio Mello de demente, diz que Fux devia fechar o Congresso e entregar a chave à Lava Jato.
Enquanto isso não acontece, o Governo tem de mandar caçar (com cedilha, mesmo) deputados fieis para trocar os membros da base na CCJ para aprovar a admissibilidade de uma reforma da Previdência que não negociou e apresentou de forma feroz motivado por “mostrar serviço” ao mercado.
As cúpulas dos poderes estão em conflito aberto num país que se derrete.

Nenhum comentário: